As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
História da ilha do Fogo em livro de Daniel Pereira
- 6-May-2005 - 14:17


A história da ilha do Fogo, uma das historicamente mais ricas de Cabo Verde, é o tema do último livro do historiador e diplomata cabo-verdiano, Daniel Pereira.


"Cabo Verde - Apontamentos históricos sobre a Ilha do Fogo", a obra agora lançada por Daniel Pereira, é o terceiro livro histórico que o autor publicou no espaço de um ano.

O historiador, que classifica o livro de "pequena monografia sobre a Ilha do Fogo", aborda questões relacionadas com o povoamento, os ataques de piratas através dos séculos, conflitos envolvendo senhores das ilhas entre si e com o poder central da Ilha de Santiago.

Daniel Pereira sublinha que a sua terceira publicação de carácter histórico é "um conjunto de questões relativamente interessantes e que contribuem para o aprofundamento do conhecimento da história regional da Ilha do Fogo no contexto geral da história de Cabo Verde", arquipélago descoberto em 1460 pelos navegadores portugueses e tornado independente em 1975.

Em "Cabo Verde - Apontamentos históricos sobre a Ilha do Fogo", algumas teses dadas como certas pela tradição oral popular são postas em causa, como é o caso da alegada recusa dos moradores da Ilha do Fogo de hastear a bandeira dos Felipes (Felipe II de Espanha) quando da junção das coroas espanhola e portuguesa.

Daniel Pereira contraria essa convicção popular, alimentada por uma tradição oral com peso importante no arquipélago, através de documentos de época que clarificam que não corresponde à verdade terem os habitantes do Fogo recusado o hastear da bandeira espanhola.

Este elemento é comummente utilizado para demonstrar as idiosincrasias de que se reclamam os habitantes da ilha do Fogo, nomeadamente quanto ao seu nacionalismo.

José Maria Semedo, que assina o prefácio do livro, entende que está é fundamental e necessária para o conhecimento descomplexado da história cabo-verdiana.

"Questionar os relatos de memória tradicional, constitui um passo necessário para um conhecimento descomplexado do nosso percurso nas ilhas e alicerçar o futuro comum num passado ainda que doloroso", alerta José Maria Semedo.

Daniel Pereira já publicou os seguintes títulos de carácter histórico: "Situação da Ilha de Santiago no 1º quartel do século XVIII" e "Cidade Velha na rota dos escravos".

Para breve prevê-se a reedição de "Estudos da História de Cabo Verde".


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem