As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Humberto Marcos propõe Museu Virtual da Lusofonia
- 14-May-2005 - 19:32


O director do Museu Nacional da Imprensa, do Porto, Luís Humberto Marcos, defendeu, em Brasília, a criação de um Museu Virtual da Imprensa da Lusofonia, para valorizar o património existente nos oito países de expressão lusófona.


O director do Museu Nacional de Imprensa apresentou a proposta no V Encontro das Imprensas Oficiais de Língua Portuguesa, que terminou quinta-feira na capital brasileira, onde sublinhou que "os equipamentos antigos existentes devem permanecer em cada país".

Em declarações à Agência Lusa em Brasília, Luís Humberto Marcos disse que o objectivo é "articular os espólios já reunidos em Portugal, Brasil, Angola, Moçambique e Cabo Verde e ampliar o seu impacto através da visibilidade conjunta no ciberespaço, com recurso às tecnologias multimédia".

"Temos toda uma história em comum a partilhar a partir da dinamização deste projecto", defendeu o director do Museu Nacional da Imprensa.

"Os museus são lugares de mediação cultural e não apenas de preservação e exibição patrimonial", acrescentou.

Luís Humberto Marcos frisou que "não se trata de concentrar peças num determinado espaço", mas de as "conservar em museus ou núcleos locais, formando entre todos eles uma rede na Internet, um verdadeiro museu sem fronteiras da imprensa de todo o espaço lusófono".

A primeira fase do projecto passa pela inventariação e registo das peças existentes em cada um dos oito países de língua oficial portuguesa.

Depois será a vez da constituição do museu virtual, seguindo- se, numa fase mais avançada, o desenvolvimento da articulação internacional entre as particularidades de cada país, promovendo iniciativas comuns.

"O projecto contempla a cooperação técnico-científica e prevê programações articuladas e itinerantes, a par do constante desenvolvimento da dimensão virtual", acrescentou.

O projecto visa valorizar o património existente nos oito países de língua portuguesa e reforçar o conhecimento e o estreitamento de laços entre as comunidades lusófonas.

"Este museu virtual pode ainda funcionar como um vector do turismo cultural, ao criar novos pontos de atracção em cada um dos países de expressão portuguesa", afirmou.

Para Luís Humberto Marcos "este é um projecto a múltiplas vozes, que permitirá activar o património tipográfico e gráfico dos países lusófonos, não só do ponto de vista cultural, mas também social e económico".


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem