As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Rodagem de «A Ilha dos Escravos» começa em Setembro
- 1-Jul-2005 - 18:53


A longa-metragem "A Ilha dos Escravos", uma co-produção portuguesa, cabo-verdiana e brasileira, começa a ser rodada no início de Setembro no Estado de Alagoas (Brasil) e em finais do mesmo mês na cidade da Praia.


O anúncio foi feito na capital cabo-verdiana pela produtora do filme, Ana Costa, especificando que a parte mais substancial das filmagens será rodada no arquipélago, onde os trabalhos durarão cinco semanas, e no Brasil, onde decorrerá durante três semanas.

Os locais escolhidos para as filmagens em Cabo Verde são a Cidade Velha, a localidade de Monte Vermelho, a Praia de S. Francisco e o centro histórico da cidade da Praia, enquanto em Alagoas os trabalhos decorrerão em Maceió e na cidade Marechal Deodoro.

De acordo com Ana Costa, a rodagem de "A Ilha dos Escravos" deverá constituir um "verdadeiro acontecimento", principalmente em Cabo Verde, menos habituado a tais actividades, ajudando a "dinamizar a vida cultural e económica" da cidade da Praia.

"Trata-se de uma grande produção que envolve cerca de 30 actores portugueses, brasileiros e cabo-verdianos de primeiro plano e constitui uma grande aposta da Cinemate, que é líder em Portugal e tem uma larga experiência de trabalho em África", referiu.

De acordo ainda com a produtora, a Cinemate vai "apostar fortemente" na internacionalização do filme, tendo já começado a fazer a pré-venda da "Ilha dos Escravos", que tem "todas as condições" para ser um grande sucesso nos países onde é rodado e no estrangeiro.

A mesma perspectiva tem o realizador, Francisco Manso, para quem o filme "só pode ter um destino, que é o sucesso".

Segundo Francisco Manso, "A Ilha dos Escravos" tem "todos os condimentos" necessários, nomeadamente a qualidade dos actores e da obra em que se baseia.

A produção tem como parceiros em Cabo Verde o Ministério da Cultura e a Câmara Municipal da Praia (CMP).

No Brasil, o principal parceiro é o Estado de Alagoas, cujo governador visitará a cidade da Praia, a convite da produção do filme, entre 18 e 20 de Julho.

"A Ilha dos Escravos" é um filme de época que aborda a história de Cabo Verde, Brasil e Portugal. A acção decorre em 1852 e é baseada na obra "O Escravo", escrito em 1856 pelo escritor português José Evaristo de Almeida.

Os principais papéis são interpretados pelos actores portugueses Diogo Infante, Vítor Norte, António Capelo e Jorge Loureiro, pelos brasileiros Milton Nascimento, Thais Araújo, Zezé Mota e Francisco Assis e pelo cabo-verdiano Mano Preto.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem