As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
CPLP saúda civismo e participação e pede normalização
- 12-Aug-2005 - 17:34


A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) congratulou-se hoje com o civismo e a participação dos eleitores nas presidenciais na Guiné-Bissau e apelou a todas as forças políticas para que "cerrem fileiras em prol da reconstrução nacional".


"A CPLP felicita o povo da Guiné pelo civismo e alto grau de participação neste acto político, que deve constituir um passo importante para a normalização da vida no país", lê-se num comunicado enviado à imprensa dois dias depois da divulgação dos resultados oficiais da segunda volta que deram a vitória a João Bernardo "Nino" Vieira.

A organização felicita igualmente "o candidato vencedor e todas as forças políticas intervenientes" e apela "aos vencedores para o exercício do poder em democracia e tolerância", e "às restantes forças políticas, uma colaboração transparente e leal com os vencedores".

A concluir, a CPLP reafirma, em seu nome e no dos países que a integram (Portugal, Brasil, Angola, Cabo-Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste), "a sua solidariedade e apoio às autoridades legítimas e ao povo irmão da Guiné-Bissau".

Segundo os resultados finais oficiais, divulgados quarta- feira, o candidato independente e ex-presidente João Bernardo "Nino" Vieira foi eleito Presidente da Guiné-Bissau com 52,35 por cento dos votos, derrotando o candidato apoiado pelo Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), Malam Bacai Sanhá, que obteve 47,65 por cento dos votos.

A taxa de participação dos eleitores foi de 78,55 por cento, segundo os números oficiais.

O candidato derrotado alegou que se registaram fraudes no escrutínio e apresentou quinta-feira no Supremo Tribunal de Justiça (STJ) um recurso com mais de 500 páginas.

Portugal reconheu a vitória de Nino Vieira logo que foram divulgados os resultados provisórios.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem