As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
BCA reduz taxa de juro e adopta nova estrutura cálculo
- 6-Sep-2005 - 18:38


O Banco Comercial do Atlântico (BCA), a maior instituição financeira cabo-verdiana, anunciou uma redução de 0,5 pontos percentuais da taxa de juro, ao mesmo tempo que introduziu uma nova estrutura para o cálculo da mesma.


A redução ficou a dever-se à diminuição, anunciada há mais de um mês pelo Banco de Cabo Verde (banco central), do valor das taxas de referência, medida que foi apontada, na altura, como uma indicação para a redução dos juros na operações praticadas pelos bancos comerciais.

Nos depósitos a prazo, o BCA, do grupo português Caixa Geral de Depósitos, procedeu, segundo o director comercial, Leandro Silva, ao ajustamento do preçário às condições do mercado interno e externo, visando "atingir maior flexibilidade na criação de produtos alternativos mais diversificados".

Diversificação e flexibilidade é também o que o BCA procura com a introdução da nova estrutura de cálculo das taxas de juro que, adiantou aquele responsável, basear-se-á na "criação de referenciais internos indexados à taxa Euribor, permitindo ajustamentos diários".

"Dessa forma, o BCA passa a proporcionar ao cliente, nas novas operações contratadas, a possibilidade de obtenção das menores taxas do mercado para financiamento de habitação própria e para empresas, as quais poderão atingir um dígito", perspectivou Leandro Silva.

Os clientes antigos que já tenham empréstimos contratados também serão "encorajados" a integrar o novo regime, que trará ainda como novidade o incentivo à feitura de seguros de vida, o que, diminuindo os riscos das operações, "poderá fazer baixar as taxas", de acordo com o director comercial do BCA.

Os novos produtos e serviços anunciados visam, segundo Leandro Silva, a "implementação de uma política de segmentação de clientes" pelo BCA, que se compromete a passar a divulgar a taxa de referência, calculada com base nas características dos clientes.

O objectivo é "posicionar bem o BCA" na perspectiva do início das actividades relacionadas com o mercado de capitais, de acordo com o director comercial da instituição detentora da maior carteira de créditos em Cabo Verde.

Daí também a indexação dos referenciais internos praticados pela instituição à Euribor, o que Leandro Silva considera uma medida "natural" ao abrigo do acordo de cooperação cambial que indexa o escudo cabo-verdiano ao euro, através de um PEG fixo.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem