As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Pequenos estados insulares debatem degradação dos solos na Praia
- 27-Sep-2005 - 0:56


A ministra do Ambiente, Agricultura e Pescas de Cabo Verde defendeu, na abertura de um seminário internacional sobre gestão durável dos solos, que a comunidade internacional deve ser mais activa no apoio aos pequenos países insulares.


Na sessão de abertura do seminário organizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pelo Fundo Mundial para o Ambiente(FMA), Madalena Neves reclamou mais apoio da comunidade internacional nesta área por serem ainda significativas as limitações materiais e tecnológicas dos pequenos estados insulares.

O FMA tem em curso um programa operacional que visa o desenvolvimento durável dos pequenos estados insulares em desenvolvimento com ênfase na gestão dos solos e no âmbito da Convenção das Nações Unidas sobre a Luta contra a Desertificação.

A governante cabo-verdiana pediu ainda uma atenção especial da comunidade internacional, porque os pequenos estados insulares em desenvolvimento, onde se integra Cabo Verde, têm "consciência do esforço exigido e da necessidade de trabalhar para lhe corresponder".

"Mas isso só é possível com o apoio eficaz dos países mais desenvolvidos e das organizações internacionais", disse a ministra, salientando que esse é um apoio directo ao desenvolvimento e à luta contra a pobreza, "porque a degradação dos solos tem repercussões na actividade económica destes estados, nomeadamente nas áreas do turismo, da agricultura e da pesca".

Ainda na abertura do seminário, a representante do PNUD em Cabo Verde, Patrícia de Mowbray, em jeito de resposta a Madalena Neves, sublinhou que a comunidade internacional está consciente do quanto é importante a questão da gestão durável dos recursos naturais, nomeadamente para atingir os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM), com o combate à pobreza rural na primeira linha.

Patrícia de Mowbray afirmou-se ainda consciente do problema da degradação dos solos no arquipélago de Cabo Verde e com o forte impacte que essa degradação tem para a população e a forma como pode afectar o futuro do país.

O encontro reúne representantes de Cabo Verde, Comores, Guiné- Bissau, Guiné Equatorial, Haiti, Maurícias, Santa Lúcia, Seychelles e Vanuatu.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem