As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Economia e educação na agenda da visita do presidente ao Brasil
- 29-Sep-2005 - 18:12


As relações económicas, ligações aéreas e uma parceria com o Brasil para a criação da primeira universidade de Cabo Verde são os temas mais relevantes da visita do presidente cabo-verdiano, Pedro Pires, a três Estados brasileiros e ao Distrito Federal.


O presidente cabo-verdiano chega sexta-feira a Fortaleza, onde se encontrará com o governador, Lúcio Alcântara.

No sábado, seguirá para São Paulo para uma reunião com estudantes cabo-verdianos, em Santo André.

Pedro Pires reúne-se com o governador paulista, Geraldo Alckmin, na segunda-feira, seguindo depois para Brasília, onde será recebido com honras militares.

Na capital brasileira, o presidente cabo-verdiano terá encontros na próxima terça-feira com seu homólogo, Luiz Inácio Lula da Silva, e com os presidentes do Senado, Renan Calheiros, da Câmara dos Deputados, Aldo Rebelo, e do Supremo Tribunal Federal (STF), Nelson Jobim.

Pedro Pires fará também uma palestra no Instituto Rio Branco, em que destacará as relações entre os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Na terça-feira à noite, o presidente de Cabo Verde participa num jantar com a comunidade cabo-verdiana, em Brasília.

No dia seguinte, quarta-feira, Pedro Pires reúne-se com embaixadores do grupo africano, seguindo depois para o Rio de Janeiro, onde tem agendado um encontro com a governadora, Rosinha Garotinho.

Do Rio, Pedro Pires volta a Fortaleza, de onde regressa a Cabo Verde.

Nos encontros com as autoridades brasileiras, Pedro Pires deverá reforçar a importância da parceria com o Brasil para a criação da primeira universidade de Cabo Verde, um projecto que as autoridades cabo-verdianas pretendem fazer avançar em 2006.

A referida parceria visa sobretudo a formação no Brasil de professores para a universidade, que será concebida segundo os padrões brasileiros de instituições públicas de ensino superior.

Os governos de Cabo Verde e Brasil estão interessados também, de acordo com fontes diplomáticas, em revigorar as ligações aéreas entre os dois países, cuja frequência de voos é actualmente semanal.

O reforço das relações económicas é outro dos pontos em destaque nos encontros que o presidente Pedro Pires manterá durante a visita ao Brasil.

No mês passado, o primeiro-ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, fez um périplo por diversos Estados brasileiros (Ceará, Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Rio de Janeiro e Goiás) para incentivar os empresários brasileiros a investir no arquipélago cabo-verdiano.

Em cada Estado, a delegação cabo-verdiana promoveu seminários com empresários locais, com enfoque no turismo,transportes aéreos e marítimos, uma vez que o arquipélago pretende ser uma plataforma para passageiros e carga no Atlântico Sul.

A estratégia de Cabo Verde é assumir-se como uma grande porta de entrada para África.

Actualmente, o arquipélago importa a maioria dos produtos que consome e mais de 80 por cento do Orçamento do Estado é financiado por recursos externos.

Dados do governo brasileiro mostram que as exportações do Brasil para Cabo Verde no primeiro semestre deste ano foram de 11,8 milhões de dólares (9,7 milhões de euros) contra importações de apenas 22 mil dólares (18,2 mil euros).

No ano passado, as vendas de produtos brasileiros para o arquipélago representaram 16,6 milhões de dólares (13,7 milhões de euros) face a importações de 23 mil dólares (19 mil euros).


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem