Anuncie no Noticias Lusofonas e dê a conhecer a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
           As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Angola
Millennium Angola está pronto para iniciar actividade
- 28-Oct-2005 - 17:02


O presidente do Millennium BCP, Paulo Teixeira Pinto, revelou hoje, em Luanda, que está "concluído" o processo de constituição do banco de direito angolano, denominado Millennium Angola, cujo capital será totalmente detido pela instituição que lidera.


"O processo está concluído, está tudo em ordem, vamos passar para uma nova fase da nossa presença em Angola, de uma sucursal para um banco de direito angolano", afirmou.

Paulo Teixeira Pinto, que falava a jornalistas frisou que a nova instituição bancária deverá assumir uma postura de "banco angolano".

"Não queremos que o Millennium Angola seja apenas um banco de direito angolano, queremos que seja um banco angolano, com um comportamento e uma atitude a pensar em Angola", salientou.

Nesta primeira fase, segundo Paulo Teixeira Pinto, a nova instituição bancária angolana será integralmente detida pelo Millennium BCP, mas, no futuro, o capital vai ser aberto a investidores locais.

"Seguramente isso vai acontecer", frisou, acrescentando que esse processo passará, em primeiro lugar, pela abertura do capital a "parceiros angolanos", admitindo que, posteriormente, possa existir uma "dispersão do capital por accionistas angolanos".

Paulo Teixeira Pinto salientou ainda que os objectivos do Millennium Angola passam por atingir "a liderança do mercado", apesar de admitir que essa meta não será alcançada a curto prazo.

"A nossa vocação é oferecer a melhor qualidade de serviços e atingir a liderança do mercado. Não queremos ser apenas mais um banco em Angola, queremos ser o maior banco de Angola", afirmou, acrescentando que o Millennium Angola vai actuar no sector dos particulares e das empresas.

Nesse sentido, revelou que está prevista a abertura de seis balcões em Luanda durante o próximo ano, além de três agências em Benguela, Lobito e Cabinda.

Actualmente, o Millennium BCP possui dois balcões na capital angolana, tendo prevista para a próxima semana a abertura de um terceiro balcão, na Avenida de Portugal, a poucos metros de distância da embaixada portuguesa em Luanda.

Paulo Teixeira Pinto, que regressou a Lisboa ao princípio da tarde, nasceu na cidade do Huambo, no planalto central angolano, tendo sido esta a primeira vez que regressou a Angola desde que saiu do país em 1975.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
 



 Ligações

 Jornal de Angola
 Sindicato dos Jornalistas
 AngolaPress - Angop
 Televisão de Angola
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design e SEO Angola por NOVAimagem