As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Desenvolvimento passa pelo mar, com a Islândia como modelo
- 11-Apr-2003 - 14:47

A importância do mar para o desenvolvimento dominou quinta-feira os trabalhos do segundo dia do fórum para "Construção de um Quadro de Consenso para a Transformação de Cabo Verde", que decorre na Cidade da Praia.


Apontados tradicionalmente como um elemento importante, mas "ainda não suficientemente explorado" para o desenvolvimento do arquipélago, os recursos marinhos foram quinta-feira unanimemente reconhecidos pelos participantes como um sector em que terão que ser feitos fortes investimentos.

Esta é a opinião do especialista em gestão comercial do transporte marítimo, José Jorge Pina, que na apresentação do tema "O Mar e a Transformação de Cabo Verde" apontou o turismo e as pescas como os sectores a privilegiar.

Aquele técnico identificou os grandes entraves que ainda se colocam a essa exploração, mas considerou que o turismo "apresenta boas condições para se afirmar, uma vez que o mar já é visto como o principal produto turístico de Cabo Verde".

Quanto às pescas, José Jorge Pina considerou que o sector, "marcado por uma exploração deficiente e insuficiente dos recursos haliêuticos", muito pode contribuir para a riqueza do arquipélago.

O especialista citou casos de países como a Islândia, que têm nas pescas um dos seus principais factores de desenvolvimento, e cuja experiência pode servir como indicador para Cabo Verde.

O exemplo da Islândia foi trazido ao fórum pela directora do Instituto de Investigação das Pescas e antiga candidata presidencial desse país, Gudrun Petursdotir, que disse acreditar que Cabo Verde "tem condições para seguir esse caminho".

No período da tarde, o Fórum dedicou-se à análise das possibilidade de Cabo Verde se desenvolver como praça financeira internacional, e o exemplo estudado foi o do Luxemburgo, com base numa apresentação feita pelo secretário-geral do banco central do Grão- Ducado.

Na sua apresentação, Etiene de Lhoneux passou em revista toda a estrutura dos serviços bancários daquele país e o seu funcionamento, tendo considerado que existem muitos elementos que podem "servir como referências a Cabo Verde".

O fórum "Construção de um Quadro de Consenso para a Transformação de Cabo Verde" entra hoje no seu terceiro e último dia, com os debates a incidirem sobre os motores de crescimento da economia de Cabo Verde.

O encerramento será presidido pelo primeiro-ministro, José Maria Neves.

Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem