As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Missão da CPLP poderá seguir nas próximas 24 horas
- 17-Jul-2003 - 21:49

A missão diplomática da Comunidade de Países da Língua Portuguesa a São Tomé e Príncipe poderá ser enviada dentro de 24 horas, anunciou na quinta-feira o brasileiro Celso Amorim.


Em declarações no final do primeiro dia de trabalhos da VIII reunião daquele organismo, em Coimbra, o ministro das Relações Exteriores do Brasil e presidente em exercício conselho de ministros da CPLP, Celso Amorim, adiantou que a missão funcionará em "estreita colaboração com os organismos regionais africanos".

Segundo o ministro, vários países da CPLP, nomeadamente Portugal, Cabo Verde e Moçambique, mostraram-se disponíveis para cooperar na missão e "é possível que todos participem".

"Todos temos noção da urgência de uma solução constitucional pacífica rapidamente", vincou, adiantando que a possibilidade de uma intervenção militar não foi colocada.

Celso Amorim adiantou que a missão se deverá deslocar a São Tomé e Príncipe - coordenada por parte da CPLP por um ministro angolano - "tão depressa quanto possível, talvez até amanhã".

"Mas sempre em coordenação com os organismos regionais africanos", insistiu o ministro brasileiro, indicando que o ministro angolano irá representar a CPLP na reunião de sexta-feira da Comunidade dos Países da África Central.

Na declaração, lida no final do primeiro de dois dias de reunião do conselho de ministros da CPLP, é frisada a necessidade do regresso "imediato e incondicional ao normal funcionamento das instituições democráticas em São Tomé e Príncipe".

Apelando ao cumprimento dos princípios constitucionais, a CPLP "insta os revoltosos a assegurarem a integridade física e a libertação imediata de todos os detidos".

O golpe de Estado em São Tomé e Príncipe dominou a agenda do primeiro dia da reunião dos ministros de Negócios Estrangeiros da CPLP, que termina sexta-feira em Coimbra.

Nas declarações aos jornalistas no Palácio de São Marcos, Celso Amorim disse ainda que as conversas mantidas hoje entre o ministro das Relações Exteriores são-tomense e o presidente Fradique Menezes foram importante "para chegar a estas conclusões".

Sobre a situação na Guiné-Bissau, Celso Amorim revelou que foi lida, na reunião, uma mensagem do presidente guineense, Kumba Ialá, em que este apela ao apoio da CPLP no processo eleitoral e pede "ajuda política para facilitar o clima eleitoral".


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem