As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Portugal e Cabo Verde decidem rever acordo aéreo ainda este ano
- 19-Jul-2003 - 17:40

Portugal e Cabo Verde vão rever este ano o acordo de cooperação aérea, para o adaptar às novas exigência de segurança e consagrar o princípio da liberalização do tráfego.


No termo da visita oficial a Cabo Verde do primeiro- ministro de Portugal, Durão Barroso, foi assinado sábado um acordo político sobre transportes aéreos entre os ministros da tutela dos dois países, Carmona Rodrigues e Manuel Inocêncio Sousa.

Inocêncio Sousa, ministro das Infra-estruturas e Transportes de Cabo Verde, adiantou à agência Lusa que o seu país fará seguir em breve pelas vias diplomáticas uma proposta de acordo de cooperação aérea.

A perspectiva cabo-verdiana é a de que a liberalização para o tráfego, por companhias de cada um dos países a operar para o outro, se processe de forma gradual, começando pela abertura a voos charter para o turismo, para facilitar o crescente fluxo entre os dois países.

Esta medida tem sido solicitada pelos operadores turísticos, que entendem que só com os voos charter se conseguirá fazer baixar as elevadas tarifas praticadas entre os dois países.

Outro dos aspectos que deverá ficar consagrado é o da multi- designação, ou seja Portugal e Cabo Verde poderão designar mais do que uma das suas companhias para incluir no acordo aéreo, referiu à Lusa Manuel Inocêncio Sousa.

Desse modo, acabar-se-ia com o "monopólio" da TAP e dos TACV nas ligações entre Portugal e Cabo Verde.

No entendimento do primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, a revisão do acordo aéreo "é fundamental para o desenvolvimento do turismo e para as trocas comerciais".

Se o turismo é considerado um sector estratégico, e os portugueses são dos que mais visitam Cabo Verde, para o aprofundamento das relações comerciais e empresariais entre os dois países, tal como foi desejado pelos chefes dos governos, o aumento do tráfego e a diminuição das tarifas aéreas são decisivos para esse objectivo.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem