As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Moçambique é o país africano lusófono com mais órfãos
- 26-Nov-2003 - 16:36

Moçambique é o país africano lusófono com maior percentagem de órfãos devido à SIDA, segundo um relatório hoje divulgado, em Joanesburgo, pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).


O documento intitulado "Gerações órfãs de África" traça um cenário dantesco dos efeitos do HIV/SIDA e avança uma estratégia de acção dividida em cinco frentes, a começar pelo fortalecimento da capacidade das famílias em proteger e cuidar dos órfãos e outras crianças tornadas vulneráveis pela epidemia.

O relatório preconiza ainda a mobilização e reforço da capacidade de resposta das comunidades, o assegurar do acesso dos órfãos e outras crianças vulneráveis aos serviços essenciais, a protecção destas pelos governos e a sensibilização da opinião pública para a criação de um ambiente de apoio às crianças afectadas.

"Hoje, mais de 11 milhões de crianças de idades inferiores a 15 anos residentes na África sub-saariana perderam um ou ambos os pais. Dentro de sete anos este número deverá atingir os 20 milhões. Nessa altura, entre 15 a 25 por cento das crianças numa dúzia de países do sub-continente serão órfãs, a vasta maioria devido ao HIV/SIDA", sublinha o documento.

O desdobramento dos dados e projecções por país traça depois um quadro negro, em que Angola e principalmente Moçambique são os casos mais preocupantes entre os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) .

Utilizando estatísticas de diferentes agências das Nações Unidas, o documento projecta que Moçambique terá cerca de 1,8 milhões de crianças órfãs em 2010, ou seja 19 em cada 100, mais de metade das quais (58 por cento) devido à SIDA.

Sem estatísticas relativas a Cabo Verde e São Tomé e Príncipe, Angola surge como o segundo pior PALOP, com 11 por cento de órfãos em 2010, 34 por cento das quais devido à SIDA, e a Guiné-Bissau com 10 por cento de órfãos 18 por cento em consequência da doença.

Quanto ao impacto demográfico actual da epidemia, Moçambique volta a liderar (pela negativa) as estatísticas das Nações Unidas, com uma esperança de vida (para os nascidos entre 2000 e 2005) projectada para 38 anos, após uma quebra de 10 anos devido à SIDA.

Com apenas mais dois anos de esperança de vida (40 anos) surge logo a seguir Angola, num país onde se não houvesse SIDA tal índice atingiria os 44 anos.

A Guiné-Bissau ultrapassa em apenas um ano esta meta, com uma esperança de vida de 45 anos, apesar da epidemia ter reduzido também em dois anos a esperança de vida à nascença.

No outro extremo da tabela e sem que apresentem quaisquer outros dados, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde são os países do continente com maior esperança de vida.

Segundo as Nações Unidas, os cabo-verdianos e sãotomenses nascidos entre 2000-2005 podem contar viver uma média 70 anos, ou seja, mais do dobro do que se tivessem nascido no Zimbabué, onde esse horizonte se confina aos 34 anos.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem