As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Governo recusa tolerância de ponto segunda-feira, corso adiado
- 12-Feb-2004 - 14:21

O governo angolano não vai conceder tolerância de ponto aos funcionários públicos na próxima segunda- feira, o que obrigou a organização do desfile de Carnaval a atrasar o início do corso, foi hoje anunciado em Luanda.


"O nosso pedido não foi aceite, o que fará com que seja alterada a hora do início do desfile de segunda-feira, que passa das 15:00 para as 18:00", disse Manuel Sebastião, coordenador-adjunto da Comissão Nacional Preparatória do Carnaval.

O pedido de tolerância de ponto para segunda-feira tinha sido feito pelo Ministério da Cultura ao Ministério do Emprego e Segurança Social (MAPESS), mas este recusou, alegando que estava em causa o normal horário de trabalho.

Assim, o desfile dos grupos carnavalescos da Classe B e das comunidades estrangeiras, previstos para a tarde de segunda-feira na Marginal de Luanda, vão começar três horas mais tarde do que o inicialmente previsto, de forma a permitir que os funcionários públicos também possam participar na festa.

"A função pública trabalha até às 15:00 e, se o desfile começasse a essa hora, isso iria causar transtornos ao normal funcionamento dos serviços", salientou Manuel Sebastião.

O desfile dos grupos infantis, que terá lugar domingo, e o dos grupos da Classe A, previsto para terça-feira, ponto alto do Carnaval de Luanda, mantêm o seu início para as 15:00.

O programa do Carnaval de Luanda, uma das maiores festas que se realizam na capital angolana, que reúne milhares de foliões na zona marginal, prevê três dias de desfiles.

No domingo é a vez das crianças, estando previsto o desfile de 31 grupos, entre os quais nove oriundos das escolas primárias da cidade.

No dia seguinte desfilam na marginal os 18 grupos da Classe B, dos quais os seis primeiros classificados serão promovidos ao escalão principal, participando no desfile da Classe A em 2005.

Neste dia vão também desfilar os grupos das comunidades emigrantes, estando já confirmada a presença de grupos carnavalescos de Portugal, Brasil, Moçambique, S. Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Guiné Bissau e EUA.

Finalmente, na terça-feira de Carnaval, será o desfile principal, com a participação de 13 grupos carnavalescos que vão animar a Marginal de Luanda.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem