As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Resultados das legislativas proclamados terça-feira
- 18-Apr-2004 - 18:15

Os resultados definitivos das eleições legislativas de 28 de Março passado na Guiné-Bissau serão proclamados terça-feira, anunciou em Bissau a presidente do Supremo Tribunal, Maria do Ceu Monteiro.


A proclamação destes resultados estava inicialmente prevista para oito de Abril, mas o Tribunal não considera que tenha havido algum atraso, pois, segundo Maria do Ceu Monteiro, as reclamações apenas lhe foram submetidas no fim-de-semana passado.

Neste momento, todos os cidadãos estão na expectativa da formação de um novo governo, mas também do restabelecimento da Assembleia Nacional, ressaltam os observadores.

O Presidente senegalês Abdoulaye Wade disse, durante a sua passagem por Bissau, a cinco de Abril, que a Guiné-Bissau deveria formar rapidamente um governo de união nacional a fim de permitir a mobilização de ajuda externa de que tanto precisa para relançar a sua economia.

Recorde-se que na sequência destas legislativas, o Partido Africano para a Independência da Guiné-Bissau e de Cabo Verde (PAIGC, antigo partido único), obteve uma maioria relativa na Assembleia Nacional de 45 assentos sobre os 102 disputados, segundo os resultados publicados pela Comissão Nacional Eleitoral (CNE).

O Partido da Renovação Social (PRS, ex-partido no poder), a União Nacional para o Desenvolvimento e Progresso (UNDP) e outras formações políticas introduziram um apelo junto do Supremo Tribunal para protestar contra as "graves irregularidades" que, segundo eles, mancharam o escrutínio de 28 de Março.

Segundo o PRS, estas eleições legislativas não foram justas, nem livres e transparentes, pois os militantes teriam sido proibidos de exercer o seu dever cívico em várias mesas de voto.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem