As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Cabo Verde defende governo de amplo consenso para Bissau
- 19-Apr-2004 - 17:32

O primeiro-ministro de Cabo Verde defendeu hoje que o futuro governo da Guiné-Bissau deve sair de um "amplo consenso" entre os partidos guineenses, após um encontro na Cidade da Praia com o general Veríssimo Seabra.


Esta será a melhor forma de a Guiné-Bissau aproveitar "a oportunidade para uma normalização social e política", disse José Maria Neves, lembrando que vão nesse sentido os sinais dados pelo presidente do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), Carlos Gomes Junior, vencedor das eleições em Bissau.

"Os políticos guineenses tem a obrigação de estar à altura da maturidade democrática" demonstrada pelo povo nas eleições de 28 de Março, disse ainda o primeiro-ministro após uma reunião com o presidente do Conselho Nacional de Transição (CNT) da Guiné-Bissau, general Veríssimo Correia Seabra, que se deslocou a Cabo Verde para participar na VI reunião de chefes de Estado-Maior da Comunidade de Países da Língua Portuguesa (CPLP)

José Maria Neves felicitou o povo guineense e o partido vencedor, o PAIGC, que, de acordo com os resultados ainda provisórios, conquistou 45 deputados num total de 102.

Lançando um apelo à "tolerância e à aceitação das diferenças" entre os dirigentes políticos e militares na Guiné-Bissau, o primeiro- ministro cabo-verdiano realçou a "grande maturidade" demonstrada pelos militares, pelo o presidente do PAIGC e futuro primeiro-ministro, Carlos Gomes Junior, e pelo presidente da República, Henrique Rosa, na normalização do país.

Questionado sobre se a vitória do PAIGC em Bissau facilitará as relações entre os dois países, pelo facto de o Partido Africano da Independência da Cabo Verde (PAICV) estar no poder em Cabo Verde, Jose Maria Neves considerou que as relações entre Estados não devem ser confundidas com as relações entre partidos.

Garantiu, no entanto, que Cabo Verde está empenhado em estreitar os laços com a Guiné-Bissau e declarou-se optimista num reforço das relações de cooperação entre os dois países, nomeadamente nos sectores dos transportes aéreos e marítimos, na educação e formação.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem