As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Filme e debate marcam celebrações do 25 de Abril
- 23-Apr-2004 - 15:28

O Centro Cultural Português (CCP) de Bissau organiza sábado a única celebração do 30/o aniversário da Revolução dos Cravos a decorrer na Guiné-Bissau, exibindo um filme alusivo à data, seguido de um debate sobre o 25 de Abril.


A iniciativa é organizada pelo novo director do CCP, Luís Mendes Machado, que assumiu também o cargo de Conselheiro Cultural da Embaixada de Portugal na capital guineense, pondo cobro a mais de um ano de cadeira vazia.

Em declarações à Agência Lusa, Luís Machado indicou que a iniciativa "é a possível", uma vez que se encontra há precisamente uma semana em Bissau e que, como tal, está ainda a inteirar-se do funcionamento do CCP e da realidade cultural do país.

Sábado à tarde, na Biblioteca do CCP, será exibido o filme "Os Capitães de Abril", da cineasta Maria de Medeiros, a que se seguirá um debate entre as dezenas de convidados sobre os acontecimentos que se seguiram a 25 de Abril de 1974 em Portugal, bem como as suas implicações na independência dos países africanos de expressão lusa.

Na Guiné-Bissau, a efeméride está a passar totalmente despercebida, sobretudo nos órgãos da comunicação social, que, apesar da sua irregularidade, não escreveram uma linha sobre o assunto, uma vez que estão ainda na "ressaca" do processo eleitoral guineense.

Nas declarações à Lusa, Luís Machado não adiantou pormenores sobre o que pretende fazer no futuro, uma vez que, disse, quer primeiro arrumar a casa, sem director há mais de um ano, para, depois, definir o rumo a seguir.

O CCP de Bissau tem estado a ser gerido pela Embaixada de Portugal, que promove várias iniciativas de índole educativa e cultural, como aulas de Português.

Desde a sua fundação, a 24 de Fevereiro de 1979, o centro cultural apenas contou com dois directores: Mário Matos e Lemos (1988/98) e Daniel Perdigão (2000/03).

O interregno entre 1998 e 2000 deveu-se ao conflito militar que então assolou a Guiné-Bissau.

O Centro Cultural Português de Bissau foi inaugurado pelo então presidente português Ramalho Eanes, na presença do, na altura, chefe de Estado guineense, Luís Cabral, que deram sequência a uma iniciativa do embaixador de Portugal que se encontrava na ocasião em Bissau, Pinto da França.

O novo director do CCP de Bissau tem 54 anos e esteve ligado à comunicação social, tendo desempenhado entre 1990 e 1999 funções de adido cultural e de imprensa na embaixada de Portugal em Praga.

Entre 1999 e 2002, desempenhou idênticas funções em Cabo Verde, acumulando-as com as de director dos centros culturais do Instituto Camões na Cidade da Praia e no Mindelo.

Ao longo de 2003, colaborou na sede do Instituto Camões, em Lisboa, enquanto aguardava nomeação para nova função.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem