As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Ultrapassada crise na Assembleia Municipal de São Vicente (Mindelo)
- 30-Apr-2004 - 18:07

A crise na Assembleia Municipal de São Vicente foi hoje resolvida, um mês após as eleições autárquicas, com a eleição de Teófilo Figueiredo, do Movimento para a Democracia (MpD), para a presidência do órgão.


Como partido mais votado, o MpD exigia, desde a divulgação dos resultados eleitorais, que Teófilo Figueiredo fosse eleito presidente da Assembleia Municipal de São Vicente (Mindelo).

No entanto, a maioria relativa obtida no escrutínio impediu a eleição directa do candidato do MpD, obrigando a prolongadas negociações com os restantes partidos.

A solução chegou com um acordo entre o MpD e duas pequenas formações, o Partido do Trabalho e Solidariedade (PTS) e a lista de independentes Movimento Independente Modernizar São Vicente (MIMSV). Em bloco, o MpD, o PTS e o MIMSV totalizam um número de eleitos superior aos do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) e a União Cabo-Verdiana Independente e Democrática.

Com este epílogo, fica afastado um cenário de eleições intercalares para a Assembleia Municipal de São Vicente, a segunda mais importante do arquipélago, colocando também um ponto final na troca de acusações entre os dois maiores partidos cabo-verdianos, o MpD, na oposição, e o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), no poder.

Enquanto força mais votada em São Vicente, o MpD fica com a presidência da assembleia (Teófilo Figueiredo), e a secretária da mesa (Maria Helena Leite), enquanto o MIMSV fica com a vice-presidência (Margarete Fernandes).

O actual presidente da assembleia tinha já sido recusado em duas votações anteriores.

Para o vice-presidente do MpD, Ulisses Correia e Silva, esta solução "demonstra que prevaleceu o bom senso" e que todos devem "congratular-se com o desfecho" da crise que durava há seis semanas.

O PAICV, pela voz do seu presidente e primeiro-ministro, José Maria Neves, já tinha afirmado que era competência do MpD encontrar, através de negociações, uma solução.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem