As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Aeroporto do Sal
com controlo aéreo
de alta qualidade

- 25-Jun-2004 - 15:50


Cooperação dos Estados Unidos com Cabo Verde continua no bom caminho

Um novo centro do controlo do tráfego aéreo do aeroporto do Sal foi agora inaugurado. Dotado de tecnologia de ponta, o centro é fruto da cooperação com os Estados Unidos da América, país apostado em fazer do Sal a porta de entrada em África para o seu espaço aéreo, e está em condições de assegurar a gestão e segurança do tráfego aéreo que circula sob a responsabilidade de Cabo Verde, através da FIR Oceânica do Sal.


“Cabo Verde deu um grande salto. Conseguimos a Categoria 1, que é o reconhecimento pelas autoridades norte-americanas dum nível de segurança aceitável. Os norte-americanos consideram que as condições de segurança que temos aqui já dão satisfação às suas preocupações”, disse Manuel Inocêncio, ministro das Infra-Estruturas e Transportes.

O primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, presidiu à cerimónia de inauguração do centro, vincando a sua importância estratégica.

No acto estiveram também presentes os responsáveis pelo sector da aeronáutica civil da Gâmbia, Gana, Guiné-Conacri, Libéria, Nigéria e Serra Leoa, membros do Grupo de Banjul, e da Guiné-Bissau.

Este grupo de países da CEDEAO, agora conhecido pelo Grupo de Banjul, decidiu durante a semana a liberalização do seu espaço aéreo, num encontro que decorreu na Praia.

"Em relação ao Grupo de Banjul, avançámos mais rapidamente do que em relação a qualquer outro acordo aéreo. Neste momento, não existe nenhuma restrição entre os nossos países no que concerne ao acesso ao mercado. A liberalização é um facto", disse o presidente do Instituto de Aeronáutica Civil (IAC), Waldemar Correia, para quem cabe agora às companhias aéreas tirar proveito dos instrumentos jurídicos aprovados na Praia.

Fonte: Paralelo 14


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem