As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Daniel Pereira acerta contas com a história
- 6-Sep-2004 - 14:33


O historiador Daniel Pereira prepara dois livros sobre a história da Cabo Verde para o ensino básico e secundário «O ensino da História Cabo Verde é uma necessidade para que a juventude tenha consciência do seu país».


E assim que o historiador justifica a iniciativa de preparar os dois compêndios que deverá dar à estampa antes do ano lectivo 2005/ 2006.

Em declarações a «A Semana on-line» Daniel Pereira deixou claro que os livros serão lançados no mercado mesmo que não venham a ser adoptados pelo Ministério da Educação.

O historiador que nos últimos tempos parece disposto a ajustar as contas com a sua própria História, a História de Cabo Verde, mostra-se mais produtivo do que nunca.

Tudo porque acredita que só conhecendo o seu passado o cabo-verdiano pode avaliar o presente e construir o futuro. É assim que, além dos dois compêndios escolares que promete para 2005, tem em preparação «Cabo Verde na rota dos escravos».

Também e no prelo o livro «Apontamentos históricos da ilha do Fogo».

Hoje, no salão de banquetes da Assembleia Nacional, Daniel Pereira lança o seu livro «A Situação da ilha de Santiago no 1º quartel do século XVIII», em edição revista e aumentada com a chancela conjunta do autor, da Alfa Comunicações e da Fundação «Amílcar Cabral».

Para o historiador João Nobre Oliveira, que prefacia esta edição, o livro de Daniel Pereira «permite-nos entender melhor o que somos hoje».

Entender, quiçá, a exagerada dependência e espera continuada de ajudas do aparelho do Estado que, ainda hoje, caracteriza a nossa sociedade.

Ainda segundo João Nobre Oliveira em «A Situação da ilha de Santiago no 1º quartel do século XVIII» vemos que o santiaguense, e mesmo o cabo-verdiano, «perante a falta de emprego ou de fontes de rendimento que permitissem uma vida digna» procurou no seio do Estado a solução «e em tal número que atrofiaram a máquina administrativa que se tornou inoperacional com tantos funcionários que não serviam para nada, pois que todos eram chefes ou oficiais mas ninguém funcionário…» do historiador Daniel Pereira vai ainda reeditar, por se encontrarem esgotados os «Estudos da história de Cabo Verde», já no prelo, e «Marcos cronológicos da Cidade Velha».


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem