As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Relações económicas com os PALOP permanecem pouco significativas
- 29-Sep-2004 - 11:29


As relações económicas de Portugal com as suas antigas colónias africanas permaneceram em níveis pouco significativos em 2003, apontam os números agora divulgados pelo banco central nacional relativos a comércio, investimento directo e dívida estatal.


Os fluxos comerciais entre Portugal e os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) apresentaram evoluções contrárias, com as vendas portuguesas a apresentar uma tendência crescente e as suas compras a estes países a baixarem.

As exportações portuguesas cresceram 7,4 por cento para 882,4 milhões de euros e as importações baixaram 56,7 por cento para 51,8 milhões de euros.

O saldo da balança comercial, que continuou favorável a Portugal, aumentou 18,3 por cento para 830,5 milhões de euros.

A subida das exportações deveu-se ao crescimento registado nas vendas para Angola e Moçambique, uma vez que para os outros baixaram.

Nas vendas de Portugal destacou-se o grupo de produtos máquinas e aparelhos, com 24 por cento do total, seguido pelo dos bens alimentares, com 18 por cento.

Já nas compras de Portugal predominaram os produtos agrícolas, com 37 por cento, seguidos pelas matérias têxteis, com 25 por cento.

O peso dos fluxos comerciais de Portugal com os Palop nos valores globais das exportações e importações portuguesas continua reduzido, ao corresponder a 2,97 por cento daquelas e 0,13 por cento destas.

Já no investimento directo, o total do fluxo saído de Portugal caiu pelo terceiro ano consecutivo, desta feita em 30,8 por cento para 83 milhões de euros.

De forma desagregada, revela-se que o total resulta da baixa do investimento em Angola (menos 46,7 por cento para 41,65 milhões de euros) e Cabo Verde (35,6 por cento para 10,1 milhões de euros), uma vez que aumentou em Moçambique e São Tomé e Príncipe.

Na Guiné-Bissau foram apenas investidos 50 mil euros.

Portugal continuou a concentrar o seu investimento nas actividades financeiras (44,5 por cento) e actividade imobiliárias, alugueres e serviços prestados às empresas (28,4 por cento).

Ao contrário, o fluxo de IDE dos PALOP dirigido a Portugal aumentou 156,6 por cento, mas ficou-se pelos 5,32 milhões de euros.

O principal investidor é Angola, com 97 por cento do total.

A dívida oficial dos PALOP a Portugal - dívida directa do Estado e por este garantida - ascendia a 1.277 milhões de dólares em 31 de Dezembro de 2003, mais 24 milhões de dólares que no ano anterior, excluindo a dívida associada à Hidroeléctrica de Cahora- Bassa, quantificada em 2.717 milhões de dólares.

Angola é o principal devedor com 850 milhões de dólares, seguida por Moçambique, com 231 milhões de dólares, e Guiné-Bissau, que devia 103 milhões de dólares.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem