As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Portugueses relançam empreendimento turístico de 550 milhóes de euros
- 14-Dec-2004 - 16:43


O grupo português Sacramento Campos anunciou hoje, na Cidade da Praia, Cabo Verde, o relançamento do maior empreendimento turístico do arquipélago, no valor de 550 milhões de euros, que envolve 600 hectares na ilha de Santiago.


O projecto denominado Santiago Golf Resort, que já tem uma primeira fase concluída que integra a área da recepção, situa-se a cerca de cinco quilómetros da capital cabo-verdiana, na estrada que liga a Cidade da Praia à Cidade Velha.

O capital previsto para a finalização do empreendimento (60 milhões de contos cabo-verdianos, cerca do dobro do Orçamento Geral do Estado do país) é participado em 75 por cento pelo grupo Sacramento Campos e os restantes 25 por cento pelo ex-embaixador de Cabo Verde em Portugal, Eugénio Inocêncio.

Nos 600 hectares de área do projecto, com cinco quilómetros de costa, vão ficar instalados um campo de golfe, cinco hotéis, centenas de moradias, uma marina com capacidade para 200 embarcações, a reconstrução de duas praias, áreas comerciais e uma piscina atlântica.

O relançamento do projecto, que foi iniciado em 1999, contou com a presença do Presidente da República de Cabo Verde, Pedro Pires, que salientou o alcance da ideia num contexto de desenvolvimento integrado que permite "acreditar no futuro" do arquipélago.

Os planos traçados prevêem que o campo de golfe seja mantido com água tratada por uma ETAR na Cidade da Praia, que resolve o problema da falta de água no arquipélago.

A marina será instalada no local onde, em 1928, os hidroaviões que faziam a ligação entre a Europa, África e a América amaravam, prevendo a integração de uma povoação, São Martinho Grande, na área envolvente e a plantação de mais de meio milhão de árvores.

O embaixador Eugénio Inocêncio sublinhou a importância do projecto para a economia local, nomeando a garantia de criação de mais de 4.000 postos de trabalho directos, numa comunidade com mais de 9.000 pessoas.

O tempo previsto para a conclusão desta fase do projecto, a cargo da construtora portuguesa MARPE, é de dezoito meses.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem