As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Cimpor compra 86% de distribuidora em Cabo Verde
- 3-Mar-2005 - 19:45


A cimenteira Cimpor anunciou hoje a aquisição de 86,6 por cento do capital da Cimentos de Cabo Verde, importadora e distribuidora de materiais de construção.


Em comunicado divulgado através da entidade reguladora do mercado de capitais (CMVM), a Cimpor adianta que o preço da aquisição será determinado na data da escritura, pela dedução do montante da dívida financeira líquida da empresa ao valor dos seus activos.

A Cimpor celebrou hoje o contrato de compra da totalidade do capital da Nordicave Trading Industrial, que detém a participação na Cimentos de Cabo Verde.

A empresa dispõe de um terminal de granel e uma instalação de ensacagem no porto da Praia, ilha de Santiago.

No ano passado, a CCV registou um volume de vendas de 110 mil toneladas de cimento, e uma quota de 60 por cento do mercado de Santiago, 48 por cento de São Vicente e 45 por cento nas restantes ilhas de Cabo Verde.

"Com esta aquisição, a Cimpor passa a deter uma posição de mercado adicional no continente africano", onde já actua em Marrocos, Tunísia, Egipto, Angola, Moçambique e África do Sul, salienta o grupo em comunicado.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem