As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 toda a lusofonia aqui
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cabo Verde
Mário Soares e Adriano Moreira querem arquipélago na União Europeia
- 16-Mar-2005 - 20:28


O ex-chefe de Estado português Mário Soares e o presidente da Academia Internacional da Cultura Portuguesa, Adriano Moreira, defenderam hoje a adesão de Cabo Verde à União Europeia, numa petição apresentada na Sociedade de Geografia de Lisboa.


"Todas as circunstâncias históricas, presentes e de projecto de futuro, que definem a identidade de Cabo Verde, aconselham que se iniciem negociações entre a União Europeia e Cabo Verde no sentido de este aderir à União Europeia", lê-se na petição, salientando que a iniciativa deve merecer o apoio de Portugal.

Segundo o documento, "o alargamento da União Europeia não pode ignorar a dimensão Atlântica", nomeadamente o Atlântico Sul, onde Cabo Verde "interessa à Europa não apenas pela valência da segurança e defesa mas também (...) por ser a melhor expressão das sínteses culturais que a experiência euromundista produziu".

A petição, que será apresentada ao novo governo socialista, sublinha ainda que "os padrões culturais europeus estão implantados como componente essencial da identidade" cabo-verdiana, tornando o país "uma plataforma de valor excepcional para a relação Euroafricana".

O documento, assinado por destacadas figuras da sociedade portuguesa, é também apoiado a título pessoal pelo novo ministro dos Negócios Estrangeiros português, Freitas do Amaral.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Web Design Portugal Algarve por NOVAimagem