As Notícias do Mundo Lusófono
 
Tudo sobre o Mundo Lusófono Votar à página principal
     Última Hora:

 
          em   
 


 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Lorosae
 » Comunidades
 » CPLP

 « Arquivo »

 


 » Opinião
 » Entrevistas
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Manchete


Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 


 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios





 
  news  
Jorge Sampaio disponível para ocupar cargo numa organização internacional
- 11-Apr-2005 - 23:04


O Presidente da República, Jorge Sampaio, afirmou-se disponível para ocupar um cargo numa organização internacional depois do fim do seu mandato, em Março de 2006, admitindo assumir uma "tarefa cívica ou política".


"Eu disponível estou sempre. Acho que a vida não termina, espero, e, portanto, uma tarefa cívica ou política é sempre possível", disse Jorge Sampaio em entrevista ao canal europeu Euronews, respondendo assim à possibilidade de ocupar um cargo numa organização internacional como as Nações Unidas.

Na entrevista, que será transmitida quinta-feira e foi gravada por ocasião da visita oficial a França, o chefe de Estado explicou que ainda mão tem ideia do que fará quando terminar 10 anos na presidência, mas não afasta um papel na cena internacional.

"Evidentemente, não terá nada a ver com os últimos dez anos, será coisa diferente. Estou disponível, mas estas coisas dependem muito das ocasiões. Não faço ideia do que é que vai acontecer", acrescentou na entrevista, a que a agência Lusa teve acesso.

Jorge Sampaio considerou ainda que haverá uma "crise indiscutível" caso os franceses rejeitem a Constituição Europeia no referendo de 29 de Maio, mais ainda numa altura em que estão em cima da mesa dossiers como "as perspectivas financeiras, a consolidação do alargamento e a política internacional".

"É, digamos, uma paragem nesse movimento e isso é imprevisível.

Mas não é, com certeza, bom", afirmou, manifestando-se esperançado na vitória do "sim" francês ao Tratado Constitucional.

Ainda sobre matérias europeias, Sampaio regozijou-se pela flexibilização do Pacto de Estabilidade e Crescimento (PEC), agora "mais atento às necessidades de crescimento" e que poderá ajudar Portugal a ultrapassar a "situação muito difícil" que viveu nos últimos anos.

Em matéria das relações Europa-EUA, Sampaio manifestou-se optimista quanto ao atenuar das divisões surgidas na sequência da guerra do Iraque.

A entrevista, com a duração de oito minutos, será transmitida quinta-feira na Euronews às 20:15 (hora de Lisboa).


Voltar

Ver Arquivo

 
 
Participe na Lista de discussão sobre a Lusofonia
 
  Copyright © 2002 Notícias Lusófonas | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos |
design e programação