As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 director: Norberto Hossi
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Cultura
 » Desporto
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cultura
Risco de inundações provoca evacuação no centro do país
- 28-Jan-2006 - 15:13


Quase 20 mil pessoas encontram-se afectadas pelas inundações que atingem a província de Sofala, centro de Moçambique, estando as autoridades a proceder à evacuação das zonas de risco, anunciou hoje a protecção civil moçambicana.


Apesar do caudal dos rios Pungué e Zambeze ter baixado nos últimos dias, o seu nível permanece elevado, constituindo um risco para a população ribeirinha.

Na quinta-feira, o Conselho Nacional da Água anunciou que o nível do rio Zambeze, no distrito de Marromeu tinha atingido 5.54 metros, quase um metro acima do limite de alerta de 4.75 metros.

A previsão de fortes chuvas para os próximos dias, uma situação normal nesta época do ano, levou à reinstalação da população de diversas áreas daquela província, que está a ser apoiada com tendas e rações de comida.

Segundo Américo Muianga, membro do Conselho Técnico de Gestão de Calamidades (CTGC), existem 240 desalojados no Dondo, a norte da cidade da Beira, e mais de 1200 junto a Caia, na bacia do Zambeze.

Nesta última região, há diversas ilhas com população que tem que ser igualmente retirada, acrescentou aquele responsável.

Orlando Francisco, director do CTGC na Zambézia, acrescentou que os distritos de Chinde, Mopeia, Morrumbala, Maganja de Costa e Namacurra são os que suscitam maiores preocupações naquela província a norte do rio Zambeze, com uma população de 3.4 milhões de pessoas.

Em Chinde, cerca de 60 mil pessoas vivem perigosamente perto do rio Licungu e os esforços de evacuação enfrentam dificuldades pelo facto das terras altas ficarem bastante afastadas e não disporem de lotes suficientes para a prática da agricultura.

Diversas organizações internacionais, como o Programa Mundial Alimentar, da ONU, e a Save the Children (Reino Unido) estão a colaborar com as autoridades no auxílio às populações, através de entrega de alimentos, rádios, roupas e outros bens.


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Criação e Alojamento de Sites Algarve por NOVAimagem