As Notícias do Mundo Lusófono
 Notícias de Angola Notícias do Brasil Notícias de Cabo Verde Notícias da Guiné-Bissau Notícias de Moçambique Notícias de Portugal Notícias de São Tomé e Príncipe Notícias de Timor Leste
Ir para a página inicial de Noticias Lusofonas desde 1997 director: Norberto Hossi
 Pesquisar
 
          em   
 Notícias

 » Angola
 » Brasil

 » Cabo Verde
 » Guiné-Bissau
 » Moçambique
 » Portugal
 » S. Tomé e Príncipe
 » Timor Leste
 » Comunidades
 » CPLP
 
Informação Empresarial
Anuncie no Notícias Lusófonas e divulgue a sua Empresa em toda a Comunidade Lusófona
 Canais


 » Manchete
 » Opinião
 » Entrevistas
 » Cultura
 » Desporto
 » Comunicados
 » Coluna do Leitor
 » Bocas Lusófonas
 » Lusófias
 » Alto Hama

 » Ser Europeu

Siga-nos no
Siga o Notícias Lusófonas no Twitter
Receba as nossas Notícias


Quer colocar as Notícias Lusófonas no seu site?
Click Aqui
Add to Google
 Serviços

 » Classificados
 » Meteorologia
 » Postais Virtuais
 » Correio

 » Índice de Negócios
 
Venha tomar um cafezinho connoscoConversas
no
Café Luso
 
  Cultura
Moçambique deve registar este ano um crescimento económico de seis por cento
- 16-Feb-2010 - 21:33


O crescimento económico de Moçambique deverá ser de seis por cento este ano, segundo o Plano Económico e Social hoje aprovado pelo Governo moçambicano e que, brevemente, deverá ser submetido à Assembleia da República para ratificação.


Em sessão do Conselho de Ministros, as autoridades moçambicanas discutiram e aprovaram hoje a proposta de lei do Orçamento Geral de Estado, o plano quinquenal do Governo 2010-2014 e o Plano Económico e Social, que prevê crescimento de Moçambique em seis por cento.

Em finais do ano passado, o Fundo Monetário Internacional (FMI) estimou um crescimento da economia moçambicana na ordem dos 5,5 por cento.

O porta-voz do Conselho de Ministros de Moçambique, Alberto Nkutumula, disse aos jornalistas que, no seu plano de governação, o executivo de Maputo assegura conter a taxa de inflação anual em 9,5 por cento.

O Plano Económico e Social estima ainda que o volume de exportações atinja 1,4 milhões de euros, dez por cento acima do alcançado no ano transacto, disse o governante.

Alberto Nkutumula, que é igualmente vice-ministro da Justiça de Moçambique, referiu que, nos próximos cinco anos, o Governo moçambicano vai dar prioridade ao combate à pobreza e à cultura de trabalho.

Fonte: Público


Marque este Artigo nos Marcadores Sociais Lusófonos




Ver Arquivo


 
   
 


 Ligações

 Jornais Comunidades
 
         
  Copyright © 2009 Notícias Lusófonas - A Lusofonia aqui em primeira mão | Sobre Nós | Anunciar | Contacte-nos

 edição Portugal em Linha - o portal da Comunidade Lusófona Criação e Alojamento de Sites Algarve por NOVAimagem